Os olhos refletem o nosso estado geral de saúde do corpo e da alma 



Como funciona a Iridologia:



Os olhos refletem o nosso estado geral de saúde do corpo e da alma funciona como um verdadeiro mapa topográfico do corpo e micro-sistema de todo o organismo, através do qual são revelados sinais de desequilíbrios orgânicos e emocionais resultantes de um estilo de vida errado que é adotado pelas pessoas, no comer, no beber, no agir e no pensar.

 

 Estudos Científicos:

Segundo estudos desenvolvidos em grandes Universidades norte-americanas, em torno da iridologia, temos os seguintes depoimentos conclusivos de cientistas renomados:

 Os neurônios captam informações e enviam ao cérebro através de medula espinhal. Essas informações depois de captadas pelo cérebro são enviadas ao tálamo óptico e, finalmente, aos nervos do globo ocular que funciona como "uma tela de projeção do corpo”. Ali são registrados os estragos e alterações do organismo que são causados pelo uso de medicamentos e alimentos acidificantes.

 

Como é o exame da Iris?

O  iridólogo  através de uma câmera fotográfica com lente específica para iridologia, consegue fazer  uma diagnose mais precisa identificando através de sinais,  os órgãos que estão afetando o organismo, deixando-os frágeis com grande predisposição a doenças. >


Iridologia é Medicina Preventiva:

O olho revela o estado de saúde que nosso organismo se encontra. É  um método de prevenção de  doenças.  O exame da Iris nos auxilia a seguir um tratamento natural sem contra-indicações ou efeitos colaterais para o reequilíbrio do organismo num todo evitando a progressão e agravamento destes órgãos afetados.

Segundo o Dr. Wilson Todorovic, pesquisador do assunto: "o encéfalo e os olhos são os primeiros órgãos do corpo a serem formados; sendo os olhos uma extensão do cérebro, portanto, a íris do embrião ou futuro bebê passa a registrar tudo o que ocorre com a mãe a partir do terceiro dia de fecundação”.

Um recente estudo científico, segundo o médico-embriologista, Dr. Wilson Todorovic, revela que a íris registra tudo o que se passa com o corpo a partir do terceiro dia de fecundação e só pára de registrar o que acontece com o nosso corpo 2 horas após a morte”. "Os primeiros sinais de anomalias e desequilíbrios orgânicos são registrados no olho do embrião a partir do 18º dia de fecundação. Isto foi o que revelou estudos científicos”, conclui Dr. Todorovic. Portanto, a iridologia é o alicerce da Medicina Preventiva.

 

TOP